28 de fevereiro de 2011

Nem sempre a lápis

8 comentários:

Sininho disse...

Ora cá está, o Fallorca, sem o lápis e a por o o estabelecimento em ordem! :)))

fallorca disse...

Fiufiu...

fallorca disse...

Um modesto exercício zen, com sininhos e chocalhos pendurados; além, da elegante écharpe
Para onanista, digamos que estou apetecível

Sininho disse...

Onanista??? (lol) Bem, celibatário... assim pelo menos afastamos a mancha do pecado. lol

fallorca disse...

No pecado é que reside a virtude, fiufiu...

Sininho disse...

(LOl)

Andressa C. disse...

Gostei da camisa.

fallorca disse...

Hummm...