6 de dezembro de 2010

Porque a Net fornece um novo dia

... quando a sorte não penetra, três na peida
... li mesmo agora no livro das caras com o seguinte texto: “A &etc, que nem computador tem, passou a ter um blogue – principalmente para poder chegar a quem procura os seus livros e, muitas vezes, se esbarra com um [falso] «está esgotado» [que na verdade quer dizer, em 90% dos casos, «não temos em stock/na base de dados e não me apetece ligar para a distribuidora a perguntar se existe em armazém»”

10 comentários:

Kássia Kiss disse...

É verdade.

fallorca disse...

E agora a verdade passa a ser outra; directa

lourdes feria disse...

A editora do nosso amigo que não quer saber de computadores nem de telemóveis está muito modernaça. Olha Jojó, tenho saudades tuas. Qualquer dia temos de nos encontar para continuarmos a conversa interrompida. Deixemos passar estas festas natalícias que são um saco do caraças.
Bjs

fallorca disse...

Minha linda, dia 18 arranco para o Sul e só devo voltar não sei quando.
Mas ando com «tease» de ir ao Tease da Rua do Norte. Fiquei «augado» com os queques e os sofás em 2.ª mão.

nuno monteiro disse...

Ó Fallorca, não se esqueça de mim, cá em cima, para Fevereiro... com um pouco de sorte terá frio e neve, o que não deixa de ser bonito, especialmente se em contraponto ao calor do mediterrâneo...

fallorca disse...

Fevereiro está agendado, Nuno. Só depende da data e recíproca dispobilidade

nuno monteiro disse...

Agora estou por demais ocupado com o dia 10 e com o final do ano! Mas a partir de Janeiro logo no dia 01. vamos falando...

o que me diz de Juan Carlos Onetti, há um da Ulisseia, ando com vontade de o ler, desconheço quase por completo, mas algo me arrasta para o livro, é como "Myra" da Maria Velho da Costa não sei se sou eu que os escolho a eles ou se são eles que me escolhem a mim...

vamos falando...

fallorca disse...

Os dois, Maria e Onetti; um excelente par :)

Hugo Santos - Portfólio disse...

Tenho um livro curioso da ETC: "Rock & Droga" do Jorge Lima Barreto! Um fulano que ouviu muita música, vive a música.

Também tenho uns do Álvaro Lapa... (um dos meus pintores portugueses preferidos, e meu professor de Estética nas Belas Artes do Porto).

Talvez tenha lá para casa mais qualquer coisa da editora...

Mas o que interessa é que é uma das editoras mais alternativas que existiram, e com bastante qualidade. Uma "not mainstream" bastante IN.

Abraço

fallorca disse...

Viva Hugo; espalhemos a notícia :)