12 de janeiro de 2011

Papiro do dia (23)

«Só de olhos fechados compreendíamos a escuridão dos olhos
o comprimento azulado dos homens que partiam
fabricantes de janelas de tecidos de ruas
com cheiro de peixes vivos.
Era um linguajar mitológico: cada fonema solar
glorificando a cegueira uma morte igual à morte –
os autos das barcas que naquela tarde.

Avistei a boca ao entardecer.

A língua não vinha nos mapas, mas no palato agrupavam-se diversas constelações

e pertencia-lhe a aventura dos meus dedos.

Não havia notícias de outros povos

nem sequer uma mácula de cerejas.

Plantei o primeiro seio

a que chamámos macieira

e abandonei o ventre

à generosidade vegetal.

Nessa noite dormimos por dentro e por fora

do mundo.»

[Catarina Nunes de Almeida, A Metamorfose das Plantas dos Pés, Deriva, Porto, Maio 2008]

9 comentários:

Jamil S.P. disse...

Que bonito! Vou ver se encontro à venda aqui no Brasil.
Obrigado e parabéns por este blog tão bem cuidado.

fallorca disse...

Obrigado, Jamil. Se «viajar» pelo link da editora, Deriva, mencionado no post, terá mais possibilidades de encontrar o livro.
Obrigado por recebê-lo neste espaço :)

Jamil S.P. disse...

Sim, obrigado, vou verificar. Daí importarei por alguma livraria, pois aqui os livros e impressos, de um modo geral, gozam de imunidade tributária. Com isso, paga-se quase a mesma coisa que se estivesse nos EUA, Europa, alhures.
Obrigado eu, meu caro. Senti-me muito honrado com o acolhimento, só faltou mesmo oferecer uma taça de champagne! (risos)
Em tempo: um 2011 muito favorável! :o)

Andressa C. disse...

A língua não vinha nos mapas, mas no palato agrupavam-se diversas constelações. :)

E no meu aniversário [11/1] não tem post =/

fallorca disse...

Mas tomei nota da data ;)

Andressa C. disse...

Fale-me quando é seu aniversário, também...

fallorca disse...

Fiz "26" anos no dia 15 de Junho, mas ninguém mos dá, se reparar bem na foto
ehehehe

Andressa C. disse...

Anotei :)

Farei 26 em 2013.

fallorca disse...

Então, ainda mais uma razão para ser a «miúda de Dublin».
A «miúda da bóina» anda verde com o «Ulisses» :P